Tradicionalmente, esse papel é assumido pelo pai da noiva, mas qualquer pessoa importante para a noiva o poderá fazer. Pode até ir sozinha ou ter duas pessoas a acompanhá-la. O mais importante é que essa não seja uma decisão de última hora e que a noiva se sinta perfeitamente confortável nesse momento tão especial.